nº 024
02 de Janeiro de 2007

Transmitâncias e Densidades

Lentes e Placas Filtrantes

Irineu Gomes Varella *

 
1. Vidro para máscara de soldador nº 14
 

Os chamados vidros para máscara de soldador, muito utilizados para a observação do Sol e dos eclipses solares são tecnicamente denominados de placas filtrantes de tonalidade 14,0. Elas têm a finalidade de reduzir drasticamente a intensidade das radiações provenientes do Sol, tanto na região do chamado espectro visível, como nas regiões do ultravioleta (UV) e do infravermelho (IV) evitando, dessa forma, danos à vista do observador. As características ópticas (transmitância e densidade) dessas placas estão indicadas na última linha da tabela abaixo.

Os vidros para máscara de soldador nº 14 são comercializados em forma retangular, na cor preta (verde escuro), medindo 10,8 cm X 5,0 cm e com espessura de 3 mm. Podem ser adquiridos em lojas de ferragens. Outras placas são distribuídas em forma circular ( discos de 5 cm de diâmetro ) como as de tonalidade nº 6,0 ( inadequadas para a observação solar ). Pode-se também encontrar à venda no mercado, placas filtrantes de tonalidade 16,0 que produzem redução ainda maior na intensidade da radiação solar. Quando se observa o Sol com uma placa de tonalidade 14 notaremos que a imagem do Sol tornar-se-á ligeiramente esverdeada.

Fig. 1 - O Sol observado através de um vidro para máscara de soldador nº 14.

Não se deve adaptar, em hipótese alguma, o vidro para máscara de soldador nem às objetivas e nem às oculares de lunetas, telescópios ou binóculos para a observação do Sol. As adaptações nas objetivas podem acarretar "vazamentos" da luz solar que atingiria a vista do observador podendo provocar cegueira instantânea. Nas oculares, o aquecimento produzido pela radiação solar poderá provocar o rompimento do filtro, com as conseqüências já mencionadas. Use as placas apenas para observações visuais e por curtos períodos, alternando a observação com "descanso". Uma regra prática razoável é observar durante uns 10 segundos e "descansar" por um período mínimo de 01 minuto.

A partir dos valores constantes da tabela podemos concluir que o filtro de tonalidade 14,0 permite a passagem de apenas 0,00027 %, ou cerca de 3 milhonésimos da intensidade da radiação original, na região do espectro visível. Nas regiões do ultravioleta e do infravermelho as reduções são muito menores ( 5/10.000 e 3/1.000 da intensidade da radiação original, respectivamente ) o que recomenda a sua utilização em curtos intervalos.

 

Para saber mais como observar o Sol com segurança, consulte a página Céu Urbano (Métodos de Observação Segura do Sol e Eclipses Solares) do astrônomo Naelton Mendes de Araújo, no endereço:

http://www.geocities.com/naelton/eclipse.htm

 
 
2. Transmitâncias e Densidades para Lentes e Placas Filtrantes
 
Na tabela abaixo estão relacionados, para as lentes e placas filtrantes de diversas tonalidades, os valores das transmitâncias (T) e das densidades ópticas (D), nas regiões do visível, do infravermelho e do ultravioleta do espectro eletromagnético. Os valores foram retirados das Normas Reguladoras aprovadas pela Portaria nº 3.214 de 08 de junho de 1978 [Quadro 1 da NR 6 (Equipamento de Protecção Individual)] e são recomendados na fabricação de placas filtrantes para diversas finalidades. Considerou-se, para efeito dos valores apresentados, que:
 
1. A região do infravermelho (IV) está compreendida entre os comprimentos de onda de 770 nm e 2800 nm;
2. A região do visível está compreendida entre os comprimentos de onda de 380 nm e 770 nm;
3. A região do ultravioleta (UV) está compreendida entre os comprimentos de onda de 50 e 380 nm.
 
Os vidros para máscara de soldador nº 14 que encontramos à venda no mercado brasileiro devem satisfazer as condições estipuladas nessa norma, ou seja, densidade óptica no visível entre 5,36 e 5,79 (o que corresponde a uma transmitância entre 2 e 4 milhonésimos da intensidade da radiação original), transmitância máxima de 3 milésimos da intensidade da radiação original na faixa do infravermelho e transmitância máxima de 5 décimos de milésimo da intensidade original na região do ultravioleta.
 
 
Transmitâncias e Densidades de Lentes e Placas Filtrantes
TON
DENSIDADE
TRANSMITÂNCIA LUMINOSA (%)

TRANSMIT.
MÁXIMA NO I.V. (%)

MÁXIMA TRANSMITÂNCIA ESPECTRAL NO VIOLETA
E NO U.V. (%)
MAX
PADRÃO
MIN
MAX
PADRÃO
MIN
313 nm
334 nm
365 nm
405 nm
1,5
0,26
0,214
0,17
67
61,5
55
25
0,2
0,8
25
65
1,7
0,36
0,300
0.26
55
50,1
43
20
0,2
0,7
20
50
2,0
0,54
0,429
0,36
43
37,3
29
15
0,2
0,5
14
35
2,5
0,75
0,643
0,54
29
22,8
18,0
12
0,2
0,3
5
15
3,0
1,07
0,857
0,75
18,0
13,9
8,50
9,0
0,2
0,2
0,5
6
4,0
1,50
1,286
1,07
8,50
5,18
3,16
5,0
0,2
0,2
0,5
1,0
5,0
1,93
1,714
1,50
3,16
1,93
1,18
2,5
0,2
0,2
0,2
0,5
6,0
2,36
2,143
1,93
1,18
0,72
0,44
1,5
0,1
0,1
0,1
0,5
7,0
2,79
2,571
2,36
0,44
0,27
0,164
1,3
0,1
0,1
0,1
0,5
8,0
3,21
3,000
2,79
0,164
0,100
0,061
1,0
0,1
0,1
0,1
0,5
9,0
3,64
3,429
3,21
0,061
0,037
0,023
0,8
0,1
0,1
0,1
0,5
10,0
4,07
3,854
3,64
0,023
0,0139
0,0085
0,6
0,1
0,1
0,1
0,5
11,0
4,50
4,286
4,07
0,0085
0,0052
0,0032
0,5
0,05
0,05
0,05
0,1
12,0
4,93
4,714
4,50
0,0032
0,0019
0,0012
0,5
0,05
0,05
0,05
0,1
13,0
5,36
5,143
4,93
0,0012
0,00072
0,00044
0,4
0,05
0,05
0,05
0,1
14,0
5,79
5,571
5,36
0,00044
0,00027
0,00016
0,3
0,05
0,05
0,05
0,1
Uranometria Nova - 2007
 
 

Se o leitor não estiver familiarizado com os termos "Transmitância" e "Densidade Óptica" consulte o texto "Filtros Ópticos para a Observação Astronômica" ( Astronomia & Astrofísica nº 023 ):

http://www.uranometrianova.pro.br/astronomia/AA006/filtros_opticos.htm

 

 


Produção, autores e contatos

* Irineu Gomes Varella

Astrônomo. Diretor do Planetário e Escola
Municipal de Astrofísica de São Paulo,
no período de 1980 a 2002.

Priscila D. C. F. de Oliveira

Coordenadora do Centro de Documentação Técnica e Científica em Astronomia do Planetário e
Escola Municipal de Astrofísica de S Paulo.

Ultima atualização: 01 de Janeiro de 2007
Web Designer: Irineu Gomes Varella


Para receber informações sobre eventos astronômicos e uma mensagem eletrônica a cada Circular Astronômica editada, envie um e-mail com seu nome completo, cidade-UF e com o título "Inscrição" para uranometrianova@yahoo.com.br