Histórias
da Astronomia
Produção: Irineu G. Varella & Priscila D.C.F. de Oliveira
Nº 013 - 25 de Junho de 2005

 
OS DIAS DA SEMANA EM PORTUGUÊS
Priscila Di Cianni Ferraz de Oliveira *
 

Em quase todas as línguas, os nomes dos dias da semana estão associados ao Sol, à Lua e aos planetas. Em português isso não ocorre. O que teria acarretado uma escolha tão diferente ?

* * *

Em português os nomes dos dias da semana seguiram a tradição eclesiástica, uma vez que, durante o reinado do imperador Constantino, quando houve o primeiro Concílio da Igreja, conhecido como Concílio de Niceia, em 325 d.C., o papa Silvestre I determinou que os dias santos que se seguiam à Páscoa, fossem chamados de prima-feria, feria secunda…

A palavra feria, do latim, no uso eclesiástico, quer dizer consagrado à Deus. Os cristãos, durante toda a semana, trabalhavam o mínimo possível dedicando a maior parte de seu tempo às orações. As palavras férias e feriado, têm a mesma origem.

Possivelmente essa resolução teve sua origem no fato de que, na mesma época do ano, os pagãos comemoravam a "passagem" do inverno para a primavera e essas festividades duravam cerca de uma semana. Nessa ocasião os pagãos ofereciam aos seus deuses uma semana de homenagens com cultos e festas, e praticamente não se trabalhava nesses dias.

Para combater os costumes pagãos, a Igreja, muitas vezes, misturava suas festas com as deles e, lentamente, assumia o controle. Também os judeus comemoravam a Pesakh (pessach) ou páscoa judaica ( libertação dos escravos judeus no Egito ).

Neste caso em particular, os cristãos que eram conhecidos como os nazarenos, viam necessidade de distanciar-se dos judeus e firmar-se como uma religião e não apenas como mais uma seita judaica e para tanto queriam distanciar-se das comemorações deles, embora Jesus tenha sido crucificado por ocasião da páscoa judaica, segundo os evangelhos.

Constantino alterou o nome de prima-féria para Dies Domenica - dia do Senhor - em função de Jesus ter ressuscitado em um domingo reforçando, assim, o distanciamento dos costumes dos judeus. Saturni dies, no entanto, por influência da cultura judaica, recebeu o nome de sabbatum ( originado do shabbat ), embora não sendo mais considerado o dia de descanso ou o dia sagrado para os cristãos.

Mais tarde, o Concílio de Antioquia (341 d.C.) proibiu aos cristãos comemorar a páscoa junto com os judeus e o Concílio de Laodicea (363 d.C.) proibiu aos cristãos de observar o sábado (shabbat) como dia sagrado.

Em português manteve-se o costume, de designar os dias da semana com a nomenclatura eclesiástica, estendendo-a para todos os dias de todas as semanas, quer fossem posteriores ao domingo de Páscoa, quer não. Além disso, absorveu as modificações introduzidas por Constantino (domingo) e a nomenclatura judaica para o sábado. Em outras línguas, incluindo as latinas, ainda são usados os nomes pagãos.


Imprimir  
 
Produção, autores e contatos

Irineu Gomes Varella

Astrônomo. Diretor do Planetário do Ibirapuera
e da Escola Municipal de Astrofísica
de São Paulo, no período de 1980 a 2002.

Priscila D. C. F. de Oliveira

Coordenadora do Centro de Documentação Técnica e Científica em Astronomia do Planetário e
Escola Municipal de Astrofísica de S Paulo.

Web Designer: Irineu Gomes Varella
Ultima revisão: 19 de Novembro de 2005

Para receber informações sobre eventos astronômicos e uma mensagem eletrônica a cada Circular Astronômica editada,
participe do grupo informativo URANOMETRIA NOVA do Yahoo! Grupos.